simpatia de amarração poderosa

O Mago Aznaturas, em 1548, pouco antes de sua morte, elaborou um ritual de amarração,uma simpatia de amarração poderosa que deve ser feita da seguinte forma:

A amarração deve ser feita numa sexta-feira de Lua Cheia, num mês ímpar do ano, sendo iniciada às vinte e uma horas em ponto, sob a luz de sete velas pretas.

Inicialmente, faça duas figuras de cera (parafina ou cera de abelha),mesmo que seja  ainda que rudimentares, representando um homem e uma mulher.

Se você é um homem e quer dominar uma mulher, a figura dela deverá estar ajoelhada e com as mãos para trás. Se você for mulher e quiser dominar um homem, a figura dele deverá estar como mencionado, de joelhos e com as mãos para trás.

Nos dois bonecos acrescente elementos reais: fios de cabelo, unhas, uma roupa improvisada com um retalho tirado de uma roupa velha fazer tudo o mais real possível.

Antes de vestir a figura ajoelhada, risque com uma agulha a seguinte palavra em suas costas: GAMAHÉ. Pegue um carretel de linha preta e comece a enrolá-la no boneco ajoelhado, iniciando pela cabeça.

Vá dizendo o seguinte, enquanto faz isso:

Eu te amarro assim,
Para nunca fugir de mim.

Quando terminar de enrolar todo o carretel de linha preta no boneco, pegue um outro e vá prendendo os dois bonecos, um ao outro, enrolando a linha nos dois, até o final.

Quando terminar, apague as sete velas e vá com tudo isso para um local bem aberto que tenha terra.Acenda as velas formando um círculo, abra um buraco e acomode os bonecos lá dentro.

Faça, então, a seguinte Oração:

“Pelos poderes da Terra, pela presença do Fogo, pela inspiração do Ar, pelas virtudes da Água, invoco e conjuro Layzel, Raghaz, Phallas Demodeus e Marithym de Meneluz, pela força dos corações sangrados e das lágrimas derramadas por amor, para que se dirijam à rua… (dizer o nome da rua), na casa de número tal, onde está… (citar a pessoa amada), trazendo seu espírito até mim, amarrando-o definitivamente ao meu (dizer seu nome).

Que esse espírito se banhe na essência do meu amor e me devolva amor em dobro.
Que fulano (a) jamais deseje outro(a) e que seu corpo apenas a mim pertença.

Que não beba, não coma, não fale, não ouça, não cheire e não veja a não ser na minha presença, pois se não fizer isso, a terra se abrirá e a natureza estremecerá.
Que os meus grilhões a(o) prendam para sempre, pelos poderes desta oração.”

Imediatamente em seguida, enterrar os dois bonecos e espetar as velas no local onde eles foram enterrados. Esperar alguns minutos,acender as velas e deixar queimar, essa simpatia

Pegue uma fotografia dos dois juntos, um cordão com sete nós e um carretel de linha branca. A isso tudo você terá que incorporar a sua defesa.

Coloque a foto sobre o coração de tecido, sobreponha a eles o cordão, junte a defesa e comece a enrolar a linha branca ao redor de tudo isso, girando as passadas no sentido horário, até gastar todo o carretel.

Quando terminar, coloque sob um pires com três velas vermelhas. Acenda-as e deixe queimar. Faça esta simpatia sempre no período da Lua Cheia. Guarde numa gaveta ou caixa de madeira.

Os comentários estão encerrados.